Preenchendo os gaps de habilidades digitais4 min de leitura

O desafio da liderança de reinventar diferentes formas de interação para preencher os gaps das novas habilidades que despontaram

A COVID-19 acelerou a velocidade e a escala das transformações digitais no local de trabalho. Além da tecnologia, as equipes estão reaprendendo como alavancar suas habilidades pessoais no mundo cheio de nuances do trabalho remoto e adaptar suas atividades a modelos de negócios reinventados provocados pela pandemia.

Não é nenhum segredo que a tecnologia impulsionou exponencialmente a necessidade de agilidade e aprendizado na força de trabalho, e os líderes podem ajudar suas equipes a preencher melhor as lacunas de habilidades digitais, primeiro aprimorando as habilidades imperativas necessárias para o sucesso.

Figura 1 Líder planejando e se antecipando as habilidades das quais seus funcionários precisam para prosperar

Planejamento de talento

Os líderes enfrentam uma série de desafios quando se trata de treinamento, aprendizagem e desenvolvimento e devem planejar e antecipar as habilidades das quais seus funcionários precisam para prosperar durante as constantes mudanças organizacionais em crescimento e estrutura. As perguntas a seguir podem contribuir com seus esforços de planejamento de talentos enquanto se prepara para a ambiguidade:

  • Onde estão as lacunas de qualificação em nossa força de trabalho atual? Onde vemos lacunas emergentes para a força de trabalho no futuro das práticas de negócios?
  • Devemos repensar nossa abordagem para funções, responsabilidades e equipes de projeto específicas agora que identificamos essas habilidades?
  • Com as tendências do local de trabalho digital acelerando em um ritmo rápido, como podemos adaptar melhor nossas estratégias de longo prazo para agilidade de curto prazo?

O planejamento proativo e pragmático de talentos é essencial para o sucesso (e sobrevivência) do negócio.

Soft Skills em um mundo digital

Enquanto navegam pelos impactos da tecnologia no desempenho do local de trabalho, os líderes são forçados a reinventar as maneiras como seu pessoal interage com os clientes, com as partes interessadas e entre si. Para agregar valor e gerar resultados continuamente, faça a si mesmo as seguintes perguntas e considere as alternativas digitais às formas tradicionais de fazer negócios:

  • Como você pode promover e nutrir relacionamentos novos e existentes com os clientes? (Em vez de levar um cliente para almoçar, o que você ofereceria que promovesse a mesma sensação de boa vontade?)
  • Quais são as regras remotas de engajamento? Que tipo / quanta comunicação e visibilidade esperamos de nossos funcionários? (As vídeo conferências têm preferência em vez de voz apenas?)
  • Quais ferramentas e recursos estamos oferecendo ou sugerindo aos nossos funcionários para ajudá-los a desenvolver habilidades digitais?

Habilidades interpessoais, entre outras competências-chave da inteligência emocional, devem ser redefinidas e “redesenvolvidas” para se adaptar às demandas do trabalho remoto.

Experiência do funcionário

As organizações que implementam programas de treinamento e desenvolvimento para o avanço das habilidades de seus funcionários podem ver uma melhora significativa em seus resultados financeiros, e ferramentas baseadas em dados ajudam a provar o ROI qualitativo e quantitativo.

Considere estas dicas ao criar e implementar um programa de desenvolvimento de talentos:

  • Integrar avaliações de talentos para ajudar a avaliar o desempenho, criar planos de ação e conduzir conversas de desenvolvimento ao longo do ciclo de vida do funcionário.
  • Criar uma cultura de aprendizagem ativa, proporcionando oportunidades e recursos para o desenvolvimento profissional, incluindo aprendizagem experiencial, webinars e coaching.
  • Investir no desenvolvimento baseado em equipes com simulações, workshops de formação de equipes e avaliações 360º.

Aproveitar as ferramentas certas ajuda as organizações a maximizar o desempenho dos funcionários, a retenção de talentos, a colaboração em equipe e a eficácia da liderança.

As organizações devem se concentrar em seu talento agora mais do que nunca. Desenvolva seu talento hoje para prosperar no local de trabalho amanhã.

Para lidar melhor com a complexidade na sua vida, carreira e/ou empresa, a receita é clara: agilidadeinteligência emocional e técnicas fundamentadas nas últimas descobertas da neurociência para aprimorar os processos de interpretação da realidade e tomada de decisões.

FELLIPELLI atua com excelência nas diversas áreas relacionadas ao aperfeiçoamento humano, tais como desenvolvimento pessoal e de equipesliderança, inteligência emocional e muitas outras.

Consulte-nos! 

Fonte: https://mhs.com/bridging-the-digital-skill-gaps/

Traduzido e revisado por Fellipelli Consultoria Organizacional.

Tema: Liderança, Cultura Organizacional.

Subtema: Reinventando novas formas de interação para preencher os gaps das novas habilidades digitais.

Objetivo: Desenvolvimento Organizacional, Desenvolvimento de Liderança, Desenvolvimento de Equipe, Coaching nas Empresas, Coaching.

Reader Interactions

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *